Mestrados

Mestrado em Arquitetura e Urbanismo

  • Apresentação

    Curso recomendado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES. Aprovado na 182ª Reunião do CTC-ES, realizada de 12 a 14 de dezembro de 2018.

    Sobre o Curso:

    Realizado pelo Centro Universitário de Várzea Grande - UNIVAG em associação com a Pontifícia Universidade Católica de Campinas - PUC-Campinas.

    Tipo: Mestrado Acadêmico - Stricto Sensu

    Modalidade: Presencial

    Duração: 24 meses

    Período das aulas e atividades: Matutino e Vespertino

    Local de oferecimento: Campus UNIVAG - Bloco C – Várzea Grande – MT


    Informações Gerais:

    Secretaria do Curso:
    Segunda a Sexta - 11h às 22h
    Sábado - 8h às 12h

    Telefones: (65) 3688-6110 / (65) 3688-6111
    mestrado.arquitetura@univag.edu.br

  • Objetivos

    O Curso de Pós-Graduação Mestrado Acadêmico em Arquitetura e Urbanismo do UNIVAG têm por objetivo geral capacitar recursos humanos dedicados a pesquisa científica e ao exercício da docência no ensino superior contribuindo para o aprimoramento, em nível de pós-graduação stricto sensu, visando alcançar a excelência intelectual na formação de docentes e pesquisadores na região Centro-Oeste do Brasil. Para o fim proposto serão desenvolvidos e difundidos novos conhecimentos aplicados em arquitetura, cidade e território.

    Objetivos Específicos:

    Desenvolver habilidades no campo da pesquisa que poderão contribuir para o desenvolvimento de projetos para o benefício das cidades e suas comunidades. O curso enfatiza a importância da criatividade na concepção do projeto de arquitetura, das habilidades analíticas, do pensamento crítico e do desenho em conjunto com a modelagem física e computacional como ferramentas de análise, exploração e proposições a fim de alcançar condições satisfatórias para a vida nas cidades.

    Expandir e fortalecer as pesquisas em Arquitetura e Urbanismo na região Centro-Oeste do Brasil;

    Proporcionar formação com excelência acadêmico-científica, para o desenvolvimento de pesquisas voltadas as demandas e potencialidades da contemporaneidade em cidade, território e governança, subsidiando a elaboração de políticas públicas visando à melhoria da qualidade de vida e do ambiente

    • Área de Concentração

      O Curso de Pós-Graduação, Mestrado Acadêmico em Arquitetura e Urbanismo do UNIVAG está estruturado por uma área de concentração intitulada “Arquitetura, Cidade e Território” enquanto objetos do conhecimento e de intervenção sócio espacial com ênfase nas pesquisas acadêmicas relacionadas a arquitetura, cidade e território privilegiando a reflexão crítica sobre os processos de desenvolvimento e planejamento territorial, histórico e contemporâneo.

      As analises são quanto às formas espaciais resultantes, às políticas e aos projetos de intervenção nos assentamentos humanos em especial da Região Centro-Oeste, como objeto central de estudos, por tratar-se de um território que apresenta uma diversidade sociocultural, econômica, política e ambiental.

    • Linhas de Pesquisa

      Ambiente Construído e Sustentabilidade
      Estudo da importância do uso racional de recursos no ambiente construído, demonstrando sua relevância para o desenvolvimento sustentável em cidades. Realização de pesquisas com enfoque na produção e na gestão do ambiente construído contemporâneo. Neste sentido, propõe a reflexão crítica do conhecimento decorrente da teoria e prática do projeto de Arquitetura e Urbanismo, com foco nas questões contemporâneas que permeiam a concepção do projeto do edifício e da cidade a partir dos novos desafios que se apresentam na atualidade, por intermédio da análise e avaliação dos aspectos relacionados aos condicionantes/desempenho ambiental, cultural, tecnológico, comportamental, legal e social nos assentamentos humanos.

      Desenvolvimento Territorial e Local
      Estudo dos aspectos ligados ao desenvolvimento territorial e a rede urbana do Centro-Oeste Brasileiro, como subsídio para elaboração de políticas públicas. No âmbito do desenvolvimento local, propõe a investigação do fenômeno urbano/metropolitano do ponto de vista do urbanismo e do planejamento urbano-regional para compreender as características espaciais e socioambientais da expansão urbano-metropolitana; as condições, formas de ocupação e o uso de recursos naturais (água, cobertura vegetal, consumo energia); os assentamentos precários localizados em áreas de preservação permanente; as condições espaciais da mobilidade urbana; o direito à cidade e a governança pública; a paisagem urbana e os sistemas de espaços livres urbanos; e o acesso à infraestrutura e ao saneamento ambiental.
    • Corpo Docente

      Angelo Palmisano – Doutor
      http://lattes.cnpq.br/6569832225168001

      Antonio Busnardo Filho – Doutor

      http://lattes.cnpq.br/2235013674233375

      Antonio Soukef Junior – Doutor

      http://lattes.cnpq.br/6377054797585722

      Ivone Salgado – Doutora

      http://lattes.cnpq.br/7421194293040268

      Jane Victal Ferreira – Doutora

      http://lattes.cnpq.br/9849521880369062

      Jeane Aparecida Rombi de Godoy Rosin – Doutora

      http://lattes.cnpq.br/0523103672261680

      Jonathas Magalhaes Pereira da Silva – Doutor

      http://lattes.cnpq.br/8639950603854048

      Laura Machado de Mello Bueno – Doutora

      http://lattes.cnpq.br/9140261729054617

      Lucia Helena Gaeta Aleixo – Doutora

      http://lattes.cnpq.br/5843344255616459

      Luiz Augusto Maia Costa – Doutor

      http://lattes.cnpq.br/0006295437435776

      Manoel Lemes da Silva Neto – Doutor

      http://lattes.cnpq.br/4098129515389219

      Sandra Medina Benini – Doutora

      http://lattes.cnpq.br/5064986560402627
    • Corpo Discente

      Será informado após a realização do processo seletivo.

    • Estrutura Curricular

      O Curso está estruturado em 34 créditos. Cada crédito corresponde a 15 horas, totalizando 510 horas, assim distribuídas:



      O Curso terá duração mínima de 24 (vinte e quatro) meses e máxima de 30 (trinta) meses. Prevê a sua conclusão em 4 semestres, assim estruturado:

      DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS

      ARQUITETURA E CIDADE: PRODUÇÃO E ORGANIZAÇÃO DO ESPAÇO
      Ementa: Desenvolver pesquisas dedicadas a uma compreensão do contexto da produção do espaço urbano e regional, das políticas públicas e instrumentos regulatórios voltados ao processo de urbanização – com enfoque nas questões relacionadas à edificação de assentamentos precários. Construir referenciais teóricos e metodológicos que possam induzir às instituições públicas na formulação e análise de políticas inovadoras.
      MÉTODOS E TÉCNICAS DE PESQUISA EM ARQUITETURA E URBANISMO
      Ementa: Características das especificidades do conhecimento científico e da pesquisa científica. Os objetos e objetivos da pesquisa em arquitetura e urbanismo e suas fronteiras com outras áreas do conhecimento. Discussão de métodos científicos e técnicas das pesquisas em Arquitetura e Urbanismo, nas áreas de planejamento, qualidade do ambiente construído, tecnologia, teoria, história e projeto, necessários para o desenvolvimento da pesquisa científica.

      DISCIPLINAS ELETIVAS

      ANÁLISE DOS IMPACTOS AMBIENTAIS URBANOS E REGIONAIS

       

      Ementa: Investiga o meio ambiente urbano em seus ecossistemas - o meio hídrico, vegetação, solo, ar, fauna e flora em interface com as estruturas funcionais, técnicas, socioculturais na constituição da cidade sob o enfoque do urbanismo. Discutir a problemática e complexidade dos impactos ambientais urbanos e regionais relacionados aos aspectos teórico-conceituais. Urbanização e alterações ambientais. Riscos e vulnerabilidade. Qualidade ambiental no contexto urbano – regional.

       

      ARQUITETURA, CIDADE E SUSTENTABILIDADE

      Ementa: Estuda como a noção de sustentabilidade tem sido abordada em políticas públicas, planos, programas e projetos arquitetônico-urbanístico, tendo como pano de fundo a questão ambiental e suas implicações nas populações e estruturas urbanas. Apresenta os conceitos de desenvolvimento sustentável, eco desenvolvimento, decrescimento, metabolismo urbano, pegada ecológica, mitigação e adaptação que serão relacionados a aspectos da produção, forma e funcionalidade no espaço, bem como às implicações na gestão das cidades.

      ARQUITETURA DA PAISAGEM

       

      Ementa: Aproxima os campos do paisagismo e do urbanismo por meio do tema da paisagem urbana. Discute as diferentes acepções sobre o conceito de paisagem e do urbano correlacionando práticas propositivas paisagísticas e urbanísticas que, se não são capazes de produzir na íntegra arquitetura da paisagem, influenciam os agentes produtores das paisagens das cidades. Relaciona diversas visões de paisagem e os importantes momentos da produção paisagística e urbanística dos espaços livres com ênfase na contemporaneidade dos processos de urbanização e da constituição de suas paisagens.

       

      A URBANIZAÇÃO EM TERRITÓRIOS METROPOLITANOS CONTEMPORÂNEOS

       

      Ementa: Aborda a urbanização metropolitana contemporânea sistematizando conceitos, discutindo teorias e analisando intervenções de requalificação urbana recentes. Propicia a reflexão crítica sobre a produção de conhecimento acerca das tendências atuais dos processos nacionais e internacionais de metropolização e seus reflexos nas temáticas emergentes cidade, ambiente e território.

       

      CIDADE E DIREITO A CIDADE

       

      Ementa: Investiga as questões relacionadas a implementação do direito à cidade, em específico ao bem estar urbano e às condicionantes sociais e econômicas presentes em regiões metropolitanas. Procura ainda, compreender as condições que limitam a construção de um sistema de governança dos assentamentos urbanos a fim de habilitá-los na promoção da justiça social, bem como a cooperação entre os entes federados e entidades de representação da sociedade civil na gestão das demandas comuns e de políticas públicas.

       

      CIDADE MUNDIALIZADA

       

      Ementa:Discute a dimensão urbana do processo de globalização, entendida como a adoção de padrões uniformes promovida pelas forças econômicas globais em contraponto à micro territorialização expressa na resistência dos lugares e na busca por identidade que se amplia e se desdobra em formas específicas de produção do espaço físico. Analisa as formas alternativas de organização territorial, desenho e gestão resultantes deste processo, considerando as novas formas de articulação social, como consórcios, redes e fóruns.

       

      DOCÊNCIA, ENSINO E PRÁTICA PROFISSIONAL NA CONTEMPORANEIDADE

       

      Ementa: A atualização do ensino nas escolas de arquitetura e urbanismo e no contexto do ensino superior tem o desafio contemporâneo de oferecer ao futuro profissional capacidade de pesquisa e prática de projetos inovadores, de acordo com as demandas sociais emergentes. Das novas realidades sociais em constantes transformações no ambiente construído, englobando o espaço urbano, as redes de infraestrutura e as edificações, o profissional necessita de habilidades e competências que não serão adquiridas apenas pela transmissão do conhecimento. Faz-se necessário uma nova postura frente ao ensino, que proporcione o enfrentamento das questões contemporâneas. Como exemplos, intervenções no ambiente construído devido a alterações climáticas, em assentamentos humanos precários informais ou em conjuntos arquitetônicos e urbanos tombados em deterioração, são problemas que desafiam os procedimentos convencionais. Faz-se necessário engendrar uma nova postura que incentive a permanente autonomia intelectual e criativa necessária para a construção de novas soluções frente à realidade.

       

      INOVAÇÃO E EMPREENDEDORISMO EM ARQUITETURA E URBANISMO

       

      Ementa: Estuda as interações entre inovação e empreendedorismo. Fatores para a criação de modelos de negócios inovadores. Ciclo de Vida das Organizações. Visão de Plano de Negócios. Elaboração de business plan para negócio próprio. Aplicação do Business Model Canvas. Utilização do design thinking. Identificação do potencial de mercado para novos negócios. Apresentação do composto mercadológico. Estratégias de marketing. Perfil do empreendedor e atitudes empreendedoras.

       

      HABITAÇÃO, AMBIENTE E SISTEMAS URBANOS

       

      Ementa: Aborda os processos de urbanização e formação das cidades, a produção da habitação com ênfase nos sistemas urbanos, sua inter-relação com o uso do solo. Estuda os conceitos de habitação, e habitabilidade. Tecnologias sustentáveis para a implantação de infraestrutura urbana; caracterização das propriedades do meio físico no processo de planejamento, programação e inovação em equipamentos para obras de infraestrutura urbana; técnicas de execução de redes e obras complementares; interferências com outros subsistemas de infraestrutura urbana.

       

      HISTÓRIA E CULTURA: A ESTRUTURAÇÃO DO ESPAÇO URBANO REGIONAL E O AGRONEGÓCIO

      Ementa: Investiga os processos históricos e geopolíticos de ocupação e apropriação do cerrado na região Centro-Oeste/MT, com ênfase ao processo de regionalização e desenvolvimento econômico brasileiro: histórico e perspectivas futuras. Reflexão acerca dos conceitos de bioma, domínio morfoclimático, sistema biográfico, dentre outros. A inserção do cerrado na geopolítica das águas. Impactos e efeitos ambientais. Políticas governamentais para o cerrado. Turismo e Agronegócio. Modernização e inovação tecnológica nas atividades rurais. Mobilidade rural e desenvolvimento regional. Integração rural e urbana.

      PLANEJAMENTO DA PAISAGEM

      Ementa: Disciplina teórica para discussão e reflexão relativa aos conceitos do planejamento da paisagem urbana. Aborda o processo de produção da cidade contemporânea relativa a questão ambiental, com ênfase nos processos de planejamento e suas interfaces com as formas de gestão nas cidades no Brasil. Análise dos aportes teóricos e metodológicos sobre a organização espacial e seus fundamentos na teoria dos sistemas, rede urbana, e demais conceitos e instrumentos relevantes ao planejamento da paisagem. Compreender as competências e responsabilidades do Estado no processo de planejamento e gestão das cidades.

      PLANEJAMENTO E DIREITO URBANÍSTICO CONTEMPORÂNEO

      Ementa: Aborda a base jurídica e as formas de gestão que sustentam a prática do Urbanismo no Brasil, ao mesmo tempo em que o discute enquanto campo disciplinar. Considera a cidade como um arena de conflito e pacto de distribuição do produto social, onde o urbanismo é articulador privilegiado desse processo, observa suas práticas concretas e diferentes tipos de impactos. Discute ainda, as estratégias locais de adequação e inovação e os recentes processos de transformação, desregulamentação, e novas formas de gestão e parceria.

      PLANEJAMENTO DOS ESPAÇOS PÚBLICOS URBANOS

      Ementa: Estudo e planejamento dos espaços públicos à luz do urbanismo, considerando seus aspectos funcionais, ecológicos, estéticos e de lazer. Análise das práticas de projeto urbano, considerando a morfologia urbana, a percepção e o comportamento sócio espacial e ambiental e o desenvolvimento sustentável na integração dos sistemas urbanos. Especificidades e superposições entre Urbanismo, Paisagismo, Arquitetura da Paisagem e Ecologia. Análise, avaliação, projeto e gestão dos espaços públicos urbanos. Paisagem urbana e pré-existências. Processos de apropriação social do espaço público. Relações entre espaços livres das edificações e padrões urbanos.

      PROJETO, SUSTENTABILIDADE E INOVAÇÃO APLICADA AO AMBIENTE CONSTRUÍDO

      Ementa: Produção de conhecimento científico e tecnológico na área de projeto e tecnologia do ambiente construído. Investiga as teorias relativas ao meio ambiente e às ações antrópicas no território, enfatizando a busca de materiais e tecnologias sustentáveis voltados a produção de ambientes renováveis que promovam qualidade de vida e o desenvolvimento das cidades compatível com a preservação dos recursos naturais, incluindo dentre outros a recuperação e reutilização de edificações, conservação de energia e preservação de recursos hídricos, considerando-se as características de cada contexto socioeconômico, cultural e ambiental. Análise das questões por meio de estudos de casos segundo três vertentes: conceituação e situaçãodo problema de estudo; problemas e recursos potenciais; projeto urbano ou edifício sustentável.

      PROJETO URBANO E FORMAS DE MANEJO DAS ÁGUAS URBANAS

      Ementa: Estuda as transformações ocorridas no processo de urbanização e os impactos nas águas urbanas, desde o modelo francês "tout a l'egouts" até a hegemonia do sistema separador absoluto. Apresenta os novos paradigmas para projeto e gestão dos sistemas relacionados. Discute os referenciais sociais, culturais, simbólicos e econômicos - da percepção da água no meio urbano. Destaca o tratamento dos fundos de vale urbanos inseridos na cidade consolidada ou presentes em áreas com previsão de urbanização.

      POLÍTICAS PÚBLICAS DE DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL: INSTRUMENTOS, AGENTES E MÉTODOS

       

      Ementa: Busca compreender as vertentes teóricas e metodológicas relativas ao conceito de planejamento, desenvolvimento, território e a dinâmica regional: políticas públicas de desenvolvimento regional, dinâmica regional e urbana do Brasil e do Centro-Oeste. Investiga as bases técnicas e metodológicas do planejamento regional e territorial. Procura compreender o processo histórico e experiências atuais de planejamento regional no Brasil, as relações interinstitucionais nos processos de planejamento, a emergência dos estudos e novas proposições desenvolvimento e os desafios de implementação da política nacional de desenvolvimento regional e territorial no Brasil.

       

      SOCIOLOGIA URBANA E TERRITÓRIOS

      Ementa: Investiga a complexidade da urbanização contemporânea em face das inovações tecnológicas e informacionais, as interferências da financerização da produção urbana ao uso intensivo das riquezas naturais. Busca estudar os efeitos dos paradigmas dominantes no processo de produção do território, do espaço e reprodução das relações sociais. Discussão das ferramentas analíticas voltadas a análise da forma e o conteúdo do mundo urbano, das cidades, do ambiente e de suas articulações locais e globais.

      TEORIA E CRÍTICA DA ARQUITETURA

      Ementa: Investiga as diversas e múltiplas Teorias da Arquitetura objetivando formular reflexões críticas sobre a existência de tais teorias, bem como o processo de constituição e consolidação das mesmas. Visa ainda estabelecer nexos entre a formulação das Teorias e seu rebatimento na produção de arquiteturas. Para tal, dialoga com a filosofia, com a história, com as artes e as ciências sociais a fim de compor um abrangente quadro que ilumine as ideias, concepções e compreensões do que seja a arquitetura e seus papeis na sociedade e na conformação dos espaços físicos e sociais.

      TEORIA E HISTÓRIA DO URBANISMO

      Ementa: Aborda a urbanização metropolitana contemporânea sistematizando conceitos, discutindo teorias e analisando intervenções de requalificação urbana recentes. Propicia a reflexão crítica sobre a produção de conhecimento acerca das tendências atuais dos processos nacionais e internacionais de metropolização e seus reflexos nas temáticas emergentes cidade, ambiente e território.

      TERRITÓRIO, HISTÓRIA E PATRIMÔNIO ARQUITETÔNICO

      Ementa: Investiga o processo de reprodução das relações sociais de produção e sua relação com a memória da cidade, com ênfase no estudo dos instrumentos e procedimentos políticos, institucionais e administrativos dedicados à conservação do patrimônio arquitetônico. Aborda questões relativas às formas de gestão do patrimônio arquitetônico, regulamentações e normativas, responsabilidades sociais, registro do patrimônio tangível e intangível, formas de acesso aos bens culturais. Território, demarcações e percepções, identidades e memória, patrimônios compartilhados, patrimônio e desenvolvimento.

      SEMINÁRIOS AVANÇADOS DE PESQUISA E DISSERTAÇÃO

      SEMINÁRIOS AVANÇADOS EM PESQUISA E DISSERTAÇÃO I

       

      Ementa: Os seminários de pesquisa são espaços acadêmicos voltados para o desenvolvimento de temas relacionados à área de estudos do programa, às linhas de pesquisa, temáticas do grupo de pesquisa e dos projetos coletivos e individuais. Discutem as formas de abordagem, as correntes de pensamento, que subsidiam a elaboração e o desenvolvimento da produção intelectual do grupo de pesquisa. Nesta etapa busca-se: análise do tema, fundamentação teórica e metodológica; análise dos condicionantes necessários ao conhecimento científico e acadêmico: do projeto de pesquisa, e da dissertação de mestrado.

       

      SEMINÁRIOS AVANÇADOS EM PESQUISA E DISSERTAÇÃO II

      Ementa: Apresentação e discussão dos resultados parciais dos projetos de pesquisa, no âmbito de cada etapa - sob a supervisão de um ou mais professores. Elaboração e apresentação do conteúdo proposto no projeto de pesquisa - em conformidade com requisitos básicos definidos: delineamento da questão-problema; definição do objeto a ser investigado; avaliação bibliográfica pertinente e relevante com possibilidade de novas propostas; avaliação da adequação entre o problema e a metodologia a ser empregada; viabilidade da pesquisa, meios e fontes adequadas à pesquisa proposta. A avaliação e orientação substantivas finais serão de competência dos orientadores.

      SEMINÁRIOS AVANÇADOS EM PESQUISA E DISSERTAÇÃO III

      Ementa: Apresentação e discussão dos resultados do conteúdo atualizado e desenvolvido - em conformidade com requisitos básicos definidos no projeto de pesquisa. A avaliação e orientação substantivas finais serão de competência dos orientadores, visando a redação final da dissertação de mestrado. O Seminário de Pós-Graduação III é conduzido nos moldes dos seminários anteriores, acompanhado por professores da linha de pesquisa e professores convidados, em consonância com o tema a ser investigado.

      ATIVIDADES DE PRODUÇÃO CIENTÍFICA

      Créditos: 2

       

      São consideradas atividades obrigatórias de produção científica as seguintes, com seus respectivos créditos:

      a) Publicação de artigo completo em revista classificada no Qualis Capes da área de arquitetura e urbanismo (2 créditos);

      b) Publicação de artigo completo em anais de eventos científicos (1,0 créditos);

      c) Publicação de resumo em anais de eventos científicos (0,5 créditos);

      d) Apresentação em eventos científicos (0,5 créditos);

      e) Participação em evento científico (0,25 créditos);

      f) Publicação de livro, manual ou software, pedido de patente  (2,0 créditos);

      g) Publicação de capítulo de livro ou normas técnicas (1,5 créditos).

       

    • Grupos e Projetos de Pesquisa



      Aguardem.

    • Parcerias Acadêmicas e Acordos de Cooperação

       

      Aguardem.

    • Integração com a graduação

       

      Aguardem.

    • Processo Seletivo 2019

       

      •   Edital do Processo Seletivo 2019  - clique aqui

      •   Formulário para Inscrição no Processo Seletivo 2019 - clique aqui

      •   Alunos Aprovados no Processo Seletivo 2019 - aguardem

    • Calendário 2019

      Aguardem.

    • Apresentação
    • Objetivos
    • Área de Concentração
    • Linhas de Pesquisa
    • Corpo Docente
    • Corpo Discente
    • Estrutura Curricular
    • Grupos e Projetos de Pesquisa
    • Parcerias Acadêmicas e Acordos de Cooperação
    • Integração com a graduação
    • Processo Seletivo 2019
    • Calendário 2019